quarta-feira, 30 de maio de 2012

NOTA OFICIAL


ASSOCIAÇÃO DE PROFESSORES DE ESPANHOL DO ESTADO DE ALAGOAS
Email: apeeal2013@gmail.com / apeeal@hotmail.com
www.apeeal.blogspot.com / www.apeeal.webnode.com.br


NOTA OFICIAL


                        O Diretor Presidente da APEEAL, no uso de suas atribuições estatutárias, vem em público esclarecer alguns pontos relativos à defesa da classe de professores de espanhol no Estado de Alagoas e ao ensino da Língua Espanhola:
1) Desde o final de janeiro de 2012, estamos tentando marcar um encontro com o Secretário de Educação do Estado, o Sr. Adriano Soares, para renovar o convênio entre a SEE, a APEEAL e a Consejería de Educación da Embaixada da Espanha no Brasil, da liberação dos professores para os cursos de capacitação e atualização. Só que até o momento não tivemos alguma resposta oficial. Pedimos apoio aos três senadores da República para intermediar junto ao governador;
2) A APEEAL entrará com uma representação no MPE contra a SEE por não solucionar o problema de vagas nas escolas estaduais para os professores efetivos ministrarem aulas de espanhol;
3) A APEEAL entrará com uma ação no MPE contra a SEE por não ofertar a Língua Espanhol de forma ampla nas escolas da rede, no Ensino Médio, de acordo com a Lei Federal;
4) Solicitar o andamento ao Conselho Estadual de Educação que agilize a aprovação da regulamentação do ensino de espanhol na rede estadual;
5) Solicitar do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de Alagoas para contratarem profissionais licenciados em Letras (Espanhol) ou graduandos em Letras (Espanhol), como licenciados em Letras (áreas afins) com especialização em Língua Estrangeira Moderna-Espanhol para atuarem. Liberação dos professores para cursos de atualizações, como também parcerias entre as instituições representativas;
6) A APEEAL entrará com uma representação no MPT contra as escolas de idiomas para contratarem profissionais licenciados em Letras (Espanhol) ou graduandos em Letras (Espanhol), como licenciados em Letras (áreas afins) com especialização em Língua Estrangeira Moderna-Espanhol para atuarem de acordo com a Lei Federal;
7) É fundamental que os professores de Língua Espanhola ou graduandos em Letras (Espanhol) se associem para que a associação possa ser mais forte em defender os interesses dos profissionais, como também estejam quites com as obrigações financeiras;
8) Conseguir apoio e parceria das universidades no Estado de Alagoas para lutarem em prol do ensino da língua espanhola, como abrir vagas de trabalhos para os profissionais.

Maceió, 30 de maio de 2012.


Atenciosamente,


Prof. Josinaldo Oliveira dos Santos

Diretor Presidente


Nenhum comentário:

Postar um comentário